Gestão e inovação

A pandemia de covid-19 afetou drasticamente o segmento de hotelaria e se há um questionamento que anda preenchendo os pensamentos de quem é dono ou gestor de um empreendimento de hospedagem é “como o mercado hoteleiro vai se comportar de agora em diante?”. 

Ainda é cedo para cravar qual será o padrão de comportamento de hotéis e hóspedes depois do coronavírus. Mas já é possível apontar algumas tendências de gestão e inovação que devem ser incorporadas à administração hoteleira no mundo pós-pandemia. 

Neste artigo, nós listamos 6 práticas que já devem começar a fazer parte da rotina de hotéis, pousadas e hostels que querem estar preparados para a retomada do mercado. Confira!

1. Adoção de cuidados mais rígidos com a limpeza

Uma das principais mudança impostas pelo coronavírus em casas e empresas é a necessidade do maior cuidado com a limpeza pessoal e dos ambientes. E esse ponto deverá ser observado com especial atenção pelos hotéis. 

O alto poder de contágio do vírus e a gravidade de estado de saúde que a covid-19 pode causar exige que os cuidados com a limpeza de estabelecimentos de hospedagem sejam redobrados. E que se criem protocolos que garantam a higienização segura de todos os espaços do hotel e, especialmente, dos quartos.

Vale ressaltar que a higiene, que sempre foi fator de decisão na escolha do viajante por um estabelecimento, com o coronavírus ganhou ainda mais peso. E hotéis que não se comprometerem com esse quesito com certeza perderam hóspedes. 

2. Implementação de soluções de autoatendimento 

As soluções de autoatendimento são tendências de gestão e inovação que há tempos vêm ganhando espaço nos hotéis, isso porque as pessoas cada vez mais buscam por recursos que permitam que elas resolvam problemas sem precisar falar com um intermediador. Mostra disso é o sucesso do uso de aplicativos de comida e de bancos digitais. 

No mercado de hospedagem, recursos como web check-in e web check-out, que permitem que o hóspede registre sua entrada e sua saída do hotel de forma virtual e rápida; soluções que tornam possível fazer pedidos de quarto diretamente do celular; e apps de pagamento que possibilitem pagar a conta do hotel sem ter de ir à recepção são diferenciais que com certeza vão atrair e conquistar clientes.  

3. Uso do whatsapp no atendimento

O WhatsApp é o aplicativo mais usado pelos brasileiros e tem se consolidado cada vez mais como um canal de comunicação eficiente entre cliente e empresa, por possibilitar interações imediatas. 

O app, que toma muito da atenção das pessoas na atualidade, é um meio eficiente de facilitar o relacionamento com o hóspede do hotel. Por ele é possível fazer confirmação de reserva, realizar check-in, fazer pesquisa de satisfação e outros diversos atendimentos. 

Além disso, o uso do WhatsApp ajuda a aprimorar a operação do hotel e impacta positivamente na percepção do cliente do seu empreendimento. 

4. Diminuição das interações físicas com os hóspedes

Autoatendimento, uso de WhatsApp no atendimento e diversas outras soluções tecnológicas estão sendo aplicadas na operação de estabelecimentos de hospedagem  porque uma das principais tendência de gestão e inovação nesse segmento depois da pandemia da covid-19 será a redução nas interações físicas entre a equipe do hotel e os hóspedes. 

A circulação do coronavírus, com seu alto poder de contaminação, fará as pessoas evitarem ao máximo contatos físicos que não forem estritamente necessários. E cabe aos hotéis buscarem formas de garantir aos seus hóspedes uma estada segura, com pouca necessidade de interação pessoal, sem que isso impacte no nível de conforto e comodidade do cliente.   

5. Automatização da gestão do hotel 

Nenhum hotel que tenha como objetivo ser bem sucedido durante a crise do coronavírus e no pós-pandemia pode abrir mão de automatizar a gestão do negócio. 

Nesse momento em que a otimização de processos e o corte de gastos serão cruciais para mitigar os impactos negativos da crise em estabelecimentos de hospedagem, ferramentas tecnológicas que automatizem a operação do hotel eliminando erros, garantindo controle total dos processos e das finanças e entreguem dados e relatórios que permitam analisar a situação da empresa são indispensáveis. 

6. Uso de PMS em nuvem 

O último item da nossa lista de tendências de gestão e inovação para hotéis depois da pandemia do coronavírus é um recurso tecnológico que há tempos vem ganhando espaço no segmento hoteleiro e agora, nesse momento de crise e necessidade de isolamento social, mostrou ainda mais sua importância: o PMS em nuvem

Esse tipo de sistema de gestão hoteleira que permite administrar o negócio a partir de qualquer lugar, desde que se tenha acesso a um dispositivo conectado à internet, faz toda a diferença para a operação do hotel, permitindo que equipes administrativas e de vendas atuem de casa e dando maior mobilidade, controle e segurança para os donos e gestores que, com o PMS web, têm a gestão do hotel sempre na palma da mão. 

Para ter um hotel de sucesso é fundamental estar sempre atento às tendências de gestão e inovação do mercado. Para você se manter sempre atualizado, acompanhe as publicações aqui, no blog do Bitz Hotel.

Veja também

Deixe um comentário